Comentarios del lector/a

Magneto Testamento (2009)

por Rafaela Carvalho (2019-04-13)


estante porta dvdEu sou obcecado por organização, então eu gosto de fazer com que a minha coleção tenha um estilo de nomenclatura de arquivos que seja unificado, sequencial e de fácil acesso. Quando os seus quadrinhos vêm de tudo quanto é lugar, isso pode ser um pouco difícil. Alguns programas permitem que você atribua metadados aos seus seus arqivos de quadrinhos, assim como iTunes faz com as suas músicas para organizá-las, mas meu método favorito ainda é de organizá-las usando os nomes de arquivos e uma arquitetura de pastas que faça sentido.

custo para adquirir um desses vai depender da região onde você esta residindo, na internet as estantes são oferecidas por preços bem competitivos, mas valor do frete pode torná-las caras. Encomendar em sua região pode ser uma boa, no entanto, os preços cobrados pelo fabricante local pode deixá-las mais desinteressantes do que comprar via rede mundial de computadores. Aproveitar equipamentos existentes em casa podem minimizar os custos, por fim fazer um ambiente amplo totalmente dedicado fica muito legal como no caso do Billy Karam (imagem acima), mas deve ser feito com muito planejamento, pois em caso de desistência da coleção no futuro poderá complicar uso do mesmo para outras finalidades.

Colecionador é um daqueles personagens que pouco aparecem em uma história, mas todo enredo gira em torno dele. Fã de carteirinha dos gibis, estudante Leonardo Polch, 26 anos, lamenta não ter mais tanto tempo para ler suas histórias favoritas. Antes de entrar na faculdade, ele comprava, em média, oito HQs por mês. Agora, precisa priorizar seus estudos. universitário relembra que foi irmão mais velho que emprestou a ele seu primeiro gibi - As aventuras do Superman. Mesmo com a vida corrida, Leonardo mantém um acervo de cerca de 3 mil quadrinhos. E avisa: Apesar de muita gente não acreditar, gibi é cultura", garante Leonardo. Fã de Batman e de quadrinhos adultos como Constantine, universitário lembra de uma aquisição que fez através da estante para discos de vinil Virtual. Comprei um HQ que procurava há tempos, A Morte do Superman. Gibis raros como este são difíceis de encontrar. As lojas não deixam disponível nas prateleiras por medo das pessoas deteriorarem a revista".

Foi quando um gato chamado Plutão, acabou entrando na vida do casal. Um gato preto, grande e gracioso e assim Plutão cativou seu lugar como preferido dentro da casa. Mas com tempo, narrador acabou mudando seus hábitos, dia após dia, ele se tornava mais rude e indecifrável, até dia que começou a utilizar a violência não só contra seus animais, mas também com sua esposa. caráter do homem havia mudado, motivado pelo álcool e perturbado por algo ainda pior, seu humor não melhorava. Até ponto que nem mesmo Plutão ficaria imune as mudanças de humor do dono. Foi num dia de completa embriaguez que narrador resolveu punir gato por tentar evita-lo e assim, Plutão acabou perdendo um de seus olhos, porém, este ato impensado não só traria consequências ao gato, mas também mudaria seu dono completamente.

Sempre procurei inserir algo de quadrinhos aqui na Collectors Room, e agora isso ficará ainda mais forte através da coluna Minha Estante, onde entrevistaremos colecionadores de quadrinhos e mostraremos os seus incríveis acervos, na linha do que já feito no Minha Coleção com os colecionadores de discos.

Houve tempos no qual coleção era coisa dos extremos da vida: ou matéria de crianças com seus bonés, álbuns de figurinhas e bolinhas de gude; ou distração de aposentados atrás de relíquias como moedas antigas e, ápice dos ápices, selos, muitos selos. Dependendo do tamanho, das cores e do material dos Action Figures, você pode escolher material da prateleira ou da estante: a madeira deixa ambiente um pouco mais carregado, portanto, caso você tenha muitos personagens e de cores e tamanhos variados, aposte no vidro para a exposição da sua coleção.

Todos os colecionadores tem uma grande estima por seus itens de coleção e especialmente aqueles raros e exclusivos. Porém, os gibis ou histórias em quadrinhos sofreram grandes alterações na forma como a história é contada. Técnicas narrativas diversas, temas que já não se adaptam para uma audiência infantil e histórias cada vez mais complexas. Tudo isso fez com que os gibis do século XX se tornassem coisa de gente grande também. E, além disso, os gibis são objetos clássicos de coleção.

estante para colecionadorComo boa fã da Marvel , fui ao cinema assistir Thor: Ragnarok e antes de qualquer coisa, preciso destacar que esse filme é, de longe, um dos melhores desse universo. Deixar filme na mão de Taika Waititi talvez tenha sido uma das decisões mais acertadas que a Marvel já tomou, porque os filmes de Thor eram conhecidos por serem mais sérios e obscuros, e esse terceiro longa ri de sua desgraça do começo ao fim. Desde os primeiros cartazes e teaser (com essa trilha sonora incrível) dava pra ver que os ares de Ragnarok iam mudar completamente a franquia Thor, e amém que mudou para melhor! A direção é absurdamente incrível em todos os momentos: das cenas mais sérias e tensas às de comédia e luta, é tudo impecável.